Páginas

17 de maio de 2017

0.007%

você não acha que esta ficando muito superlativa a importância que você ta dando pra essa coisa toda? tu ta fazendo um drama mexicano por conta de 0.007%. sabe? é uma parcela muito pequena pra isso, cê não acha? as trocas de ideias foram boas, mas não foram transformadoras absurdamente. eu não encontrei o nirvana por causa dos papos que tivemos. foi legal, mas foi só.
em nenhum momento eu falei que foram ruins as coisas que a gente fez. eu só falei que não queria mais. e vamos ser claros aqui: você contribuiu com meia dúzia dicas e me indicou uns links. e foi só. pare de achar que você foi todo o meu processo ou contribuinte assíduo para meu desenvolvimento e crescimento. e só pra alinhar: eu que te expliquei os detalhes do meu trabalho e dos conhecimentos intelectuais que possuo - e não o contrário.

16 de maio de 2017

536

o ego grita mesmo. duvida a todo tempo. último mês dei um tempo pra me reencontrar. perguntei como estavam as coisas e as respostas foram bem melhores do que imaginei. não é que fortalecer a intenção e desapegar do resultado funciona mesmo??
deu tão certo que hoje sinto uma plenitude mais legal e leve que há muito não sentia.
tudo é novo. inclusive a novidade dos seus olhos apertadinhos que me fazem tão bem.
não botava fé, mas nesse mundo é mais rápido mesmo.
ainda bem que te encontrei. te vi no mês passado sem ao menos te conhecer e olha só, cá estamos numa troca intensa de sorrisos. círculo vermelho no fundo branco, você veio pra deixar tudo mais bonito.
é tão natural. pela primeira vez em muito tempo não tenho medo como antes. finalmente estou livre dos bloqueios e pronta pra mergulhar.

5 de maio de 2017

dança

https://www.youtube.com/watch?v=Mvym9SlKVxc

"Dançamos tanto tempo sem saber
Qual era a hora de parar"

nunca fui de dançar, você sabe.
mas aquele dia, aquele dia que passamos a madrugada naquele recinto pseudointelectual.
sob a chuva, cantarolamos a música do Sinatra e você me guiou de forma desajeitada.
bizarro como tu tem vindo na minha memória por esses dias.
saudades daquele fdp inteligente, ela falou ontem.
de forma platônica, como adolescente, me esforcei - sem real esforço - para lembrar o nome do teu canto aqui na rede. e lendo seus pensamentos, isso me faz próxima. de maneira torta e pacífica.
falei de você depois de muito tempo, e sua magnitude ainda existe. você conecta, mesmo ausente. sei que existe brilho, ainda existe encanto.
adorava não ter que fazer as conexões porque você já se embrenhava e cuidava disso, com maestria. esses dias ouvi seu riso. sorri de volta. fica bem.

17 de abril de 2017

10 ciclos

fui com intenção de limpeza. sabia que iria acontecer. a purificação da mente é poderosa. simples e transformadora. pensando bem, acho que nenhum adjetivo chega aos pés da capacidade de bem e verdade que a purificação traz. sou grata pela oportunidade de ter ingressado na jornada pela segunda vez. como não era mais novidade o processo, minha atenção ficou extremamente aguçada para a técnica. disciplina, silêncio e introspecção. fortalecimento da intenção com força de 10 ciclos . muita metta.

fogo de limpeza

passei os últimos dias agradecendo por ter acordado antes do incêndio ter consumido toda minha morada. fazia tempo que não sentia gratidão nessa intensidade. o trabalho de cura foi intenso, e hoje consigo falar do assunto com mais fluidez. fico feliz disso não fazer mais parte de mim. nem todo fogo é bom. em horas oportunas ele aquece, produz, transforma. mas agora, acho que o fogo consumiu-se por inteiro. nem cinza resta. fogo de limpeza. gratidão e liberdade.

31 de março de 2017

aiug

a culpa vem e vai, mas não convence.
a culpa faz com que você se sinta maior que o outro. com a intenção de diminuí-lo para que você se enalteça. o ego chora, mas se esquece que não é Deus. é o que liberta, é o que faz tremer, é o que faz agitar. mas depois vem a calmaria. por favor venha, rogo a ti. liberta meu coração dessa prisão. você não o obrigou a fazer nada, cada um tem a sua história e contexto. não é sua obrigação salvar o mundo. ajude quem quer ser ajudado e faça o bem, sempre com intenção de amor. há necessidade de cura. estou perto, sinto isso. está próxima . virá quando tiver que vir. pelo menos o frio e os tremores cessaram. gratidão. minhas mãos estão quentes novamente.

ic

depois de quase um ano de fim de ciclo, você apareceu de novo no pensamento. me fez sorrir de forma aquecida, depois de tanto tempo. nem lembrava como era sorrir assim. de verdade.
ontem estava no nosso local e lembrei da história do estacionamento, das risadas que demos, da intensidade de tudo. aquela região me lembra tanto você. daqui a pouco é seu aniversário de novo, e estarei no mesmo retiro. agora com novas coisas pra resolver aqui dentro. faz parte. hoje estava comendo pipoca doce e fiquei pensando em como seria em te encontrar de novo. lembrei do que quanto conheci São Paulo, graças a você e a sua paixão pela cidade. paixão pela vida.
toda vez no pé da escada me lembro do sorriso que você abria. me lembro de sorrir também. hoje você constituti a melhor memória. eu sinto sua falta. e fico feliz que não dói mais admitir isso. nós dois traçamos nossas rotas diferentes, e é melhor mantermos assim. por fim, demorou, mas você saiu da categoria dedo podre. hoje você merecia o Oscar'inho.